Eu voltei!!!

Eis que, após três meses vivendo in loco o maior do Estado, decidi sair. Agora, posso voltar a falar o que penso sobre o Atlético. Com certeza com uma visão diferente da que eu tinha, pois vivi CT e Petit Carneiro. Porém, o relato da minha experiência dentro do rubro-negro acontecerá somente após as eleições. Mas fiquem tranqüilos, soltarei o verbo, como sempre fiz e faço, pois não tenho medo de falar e escrever o que penso, como muitos que conheço.

Falar em eleições, ontem fui, com outros colegas de Paixão pelo Furacão, assistir ao ATLEtiba de decisão do sub 18 e aproveitamos para colar adesivos da Paixão pelo Furacão nas cadeiras de nossos colegas atleticanos que mandaram autorização POR ESCRITO. No entanto, ao final da partida integrantes da chapa CAPgigante foram arrancando os adesivos. Mostrando total imaturidade e falta de senso de democracia.

Adesivo que colei na cadeira do meu amigo Eduardo Betinardi. Arrancada posteriormente pela claque gigantista

Mas quando arrancaram da minha cadeira eu falei: Amigo, da minha cadeira você não arrancará. Para que eu fui falar isso. O cidadão da CAPgigante veio para me intimidar e quase partiu para a agressão física. Por sorte o CAP tem uma boa estrutura de segurança e logo eles já estavam ali.

No entanto, na saída do estádio tinham algumas moças (e que moças, rssssss) entregando nosso material. E a mesma turma do CAPgigante foi intimidar e quase agrediu as meninas também. Rasgaram nossos materiais inclusive.

Relatei logo na sequencia todo o episódio no twitter e recebi mensagens para não generalizar os integrantes da claque gigantista. Poxa, os mesmos gigantistas que nos vinculam com o atual presidente e sua administração futebolística incompetente, mesmo ele não estando na chapa. Oras, isso não é generalizar? É generalismo sim! Portanto, generalizarei também e continuarei assim até que mudem de postura.

Se a CAPgigante não quer generalizar, então que não vinculem a Paixão pelo Furacão a essa administração pífia do futebol. Pois, a proposta da Paixão pelo Furacão é totalmente diferente da adotada por essa gestão e anteriores. A chapa Paixão pelo Furacão prega pela união e não segregação. A chapa Paixão pelo Furacão prega pelo colegiado e não pelo presidencialismo (no caso gigantista a Ditadura do Coronel). A chapa Paixão pelo Furacão quer foco total e irrestrito no futebol e não no superávit ou em Copa.

Então, meu amigo, colega, companheiro, Atleticano, vamos pensar em propostas, em diálogo. Jamais incitaremos a violência, como fez e como faz os gigantistas. Podemos até ter pessoas da nossa chapa ligadas a atual administração, assim como tivemos em outras gestões (de MCP), mas em momento algum tivemos poder decisório para planejamento e/ou contratações. Por isso, ressalto, não somos favoráveis a administração do Malucelli do futebol do CAP. O que queremos é retomar o projeto interrompido em 2002, quando houve o fim da gestão colegiada e a retomada da centralização (justamente pelo coronel).

 

Espero ter sanado as dúvidas de vocês e a cada dia teremos algo de novo para falar.

 

Serviço:

Hoje acontecerá mais um evento, às 19h, no comitê da Paixão pelo Furacão para apresentar e debater as propostas e plano de gestão para o triênio 2012/13/14.

O comitê fica na rua Deputado Nilson Ribas, n 845.

Apareça você será muito bem vindo. Venha conhecer as propostas e analisar para quem se dará o seu voto. Conto com sua presença.

 

Saudações rubro-negras.

 

 

Autor do post:
Bruno Filgueiras

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

11 Comentários

  • Guilherme

    Quanto a vinculação, não sou nem um nem outro por enquanto, estou a me decidir… Mas que a vinculação se torna difícil de não fazer é verdade, pois afinal vocês tem componentes que fazem parte da atual gestão do CAP.. Ah mas não é o Malluceli! Tá ok? Mais porque vocês não interferiram antes e deixaram o CAP chegar onde chegou… Eis a questão…

    Abraçosss

    Quanto a Ignorancia do CAPgigante… Não há novidade visto que é Petraglia né…

    • Bruno Filgueiras

      Guilherme,
      A questao de interferir vai diretamente na questao hierarquica. O Diogo nunca pode se envolver no futebol, assim como o Enio. Isso pq o MM jamais deixou. Entao, como interferir. Por esse motivo o Diogo e o Enio, junto com demais integrantes da chapa, propuseram a gestao colegiada, uma de nossas propostas.
      O MM nao esta na nossa chapa. Porem, Marcus Coelho e Guivan Bueno, campeoes de 2001, estao. Entao, tenha certeza, tem muita gente competente conosco.
      Venha conhecer. V’a hoje a noite la no comite.
      Abraco

      • Paulo Monteiro Peters

        Figura, vc deve estar de brincanagem com a torcida. se tu trabalhou lá e está puxando o saco do Fadel e Ênio é porque deve favor para eles. Esses caras foram os responsáveis pela merda que o CAP virou. Um ficou 2 anos e meio e o outro é vice até hj. Os dois participaram da gestão desde o começo, participaram de reuniões semanais com o Malucelli , das quais o Gaede e Yara, entre outros, participaram, numas que até o seu QI Paulo Colnaghi foi. Ou seja, ninguém é otário. Eles numa hora concordaram com td que foi feito e em outros momentos se omitiram e se acomodaram com medo de demonstrar discondância na diretoria, inclusive na hora de pular do barco sairam com a desculpa esfarrapada típica de quem não tem hombridade. Assumam ao menos isso, que foram cúmplices nessa cagada do MM, que nada fez sozinho, porque tá ficando feio tratar com bananas como vcsss.

        Dúvido que vc publique, pois todos vão saber que vc é pau mandado do Paulo Colnaghi e que esse meu relato comprova que vcs são a pura situação. Durma com essa.

        • Edgar

          Pura verdade, Marcos Malucelli é presidente e o vice é o Fadel, eu li no site do CAP. bRUNO, eu já li muita coisa, mas não tem como desvincular que a chapa apoiada pelo Marcos é de situação. Ele até falou uma vez na rádio que o candidato dele era o Enio. Porra, quer prova maior que essa além de eles serem presidnete 3e vices. Pisaram na bola e fuiii

        • Bruno Filgueiras

          Edgar, uma coisa é querer mudanças, como queremos no modelo de gestão do futebol. Outra é ser conivente e querer o continuismo. Isso não. Situação é uma coisa e continuismo é outra. Continuismo jamais.
          Malucelli foi pífio em 2011.
          Então, acho que devemos debater propostas e não pessoas. Pessoas passam o Atlético fica. O Atlético é maior que qualquer pessoa.

          • Paula

            DESCULPEM, MAS CONHEÇO UM CARA QUE TEVE SUA CADEIRA ADESIVADA PELA CHAPA DO MALUCELLI SEM AUTORIZAÇÃO NE-NHU-MA DO SOCIO! OK, QUEM AUTORIZAR PODE ADESIVAR! MAS SAIR COLANDO É CAMPANHA SUJA! ISSO É ABUSO DE AUTORIDADE! ACHAM QUE SÃO QUEM!? A CADEIRA É DE PROPRIEDADE DO CARA!! SERIO, SE EU CHEGAR DOMINGO E TIVER UM ADESIVO NA MINHA CADEIRA VOU PROCESSAR JUSTAMENTE PQ VCS DISSERAM QUE TEM A AUTORIZAÇÃO POR ESCRITO, E NEM EU NEM ESSE CARA NÃO AUTORIZAMOS P* NENHUMA!

            • Bruno Filgueiras

              Eu colei nas cadeiras que tinha autorização. Tenha certeza que ninguém teve sua cadeira adesivada sem autorização. Só te pergunto o seguinte, quando teu amigo viu isso? Ele estava no jogo?

              • Bruno Filgueiras

                fica tranquila minha querida. Só quero saber se esse teu amigo estava no jogo de quarta, pois se não, como ele viu? Me poupe. Eu colei adesivos nas cadeiras de meus amigos que autorizaram. Fica tranquila, Paula!

                • Pedronnn Loyola

                  Caro Bruno – acho a prática desleal, pois a cadeira é patrimônio do CAP. Independente disso, gostaria de um pedido de desculpas no site da Paixão pelo Furacão para toda a Chapa CAPGIGANTE se te provarmos que vocês erraram. Aliás, provas indiscutíveis. Topa ou vai fugir??

                • Elias Cordeiro

                  Só há uma porém, caro amigo: e vocês apanharam autorização “expressa” dos proprietários das cadeiras? Tá! E como vocês conseguiram os dados? Bola de cristal ou alguém da paixão pela OAS tem acesso irrestrito aos dados? Vocês deram mais um “tiro no próprio pé”. Espero que após terminar as eleições vocês larguem as armas e venham nos ajudar a fazer do CAP o maior time das Américas, porque eu estarei lá, trabalhando diuturnamente para tornar realidade a promessa da CHAPA CAPGIGANTE.
                  Felicidades, e muita saúde!

                  • Bruno Filgueiras

                    Elias, temos autorização de quem assinou conosco. Não é necessário ter uma lista oficial para isso. Me poupe.