Não podemos cometer mais erros

Jorginho não deveria ter colocado Mancini contra o Cruzeiro

Tricolores, algumas falhas que cometemos domingo, contra o Cruzeiro, não poderemos mais repetir nos três jogos finais do Brasileirão, pois precisamos vencer nossas partidas para não ficarmos dependendo de resultados de terceiros para permanecer na Série A. Temos que fazer a nossa parte, pois, assim, estaremos salvos, afinal só dependemos de nós mesmos. Entre os erros cometidos no domingo e que não podemos repetir, podemos citar:

1)Não podemos deixar nossa marcação tão atrás, atraindo o adversário para nossa defesa como aconteceu no início do primeiro tempo e durante todo o segundo tempo; nossa marcação tem que ficar adiantada, sem dar espaços, porque desta forma vivemos nossos melhores momentos nesse segundo turno;

2)Não podemos desperdiçar tantas chances de gol, como aconteceu no primeiro tempo e que poderia ter matado o jogo; nossos atacantes precisam caprichar nas finalizações e concluir em gol as oportunidades que surgirem;

3)Não podemos entrar com tanta displicência e falta de vontade como aconteceu no segundo tempo, onde todo o time se perdeu e não viu a cor da bola.  Fato inadmissível para umelenco que tem jogadores experientes, como Fahel, Fabinho, Marcelo Lomba e Titi; eles deveriam procurar catimba, esfriar o jogo e não fizeram. Martinuccio, do Cruzeiro, jogou sem marcação alguma e acabou decidindo o jogo para eles. Vacilo total do nosso sistema de marcação;

4)Não podemos ter no banco jogadores que, antecipadamente, já se sabe que não renderá nada se for utilizado, como Mancini e Rafael Gladiador. O primeiro entrou e, além de não produzir absolutamente nada, ainda foi expulso. O técnico Jorginho falhou ao levar Mancini para o banco. Quem deveria ter entrado era Kléberson;

Como se vê, chega de vacilos, chega de bobeiras. Não podemos titubear, para a situação não se complicar. Domingo, contra a Ponte Preta, e nos jogos seguintes, temos que entrar ligados, focados, disputando todas as jogadas com garra, afinco e procurando não cometer equívocos que tivemos nesse jogo com o Cruzeiro, pois assim teremos todas as condições de vencer as partidas.

Autor do post:
Kleber Leal

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

Seja o primeiro a comentar este post