Souza, o artilheiro do “chororô”

Se a torcida do Botafogo provocá-lo no jogo de amanhã, Souza promete reeditar o "chororô" caso faça gol

Tricolores, nosso matador Souza, o Caveirão, vai voltar ao time amanhã contra o Botafogo no Engenhão. Melhor não poderia ser, afinal ele dá muita sorte quando joga contra o alvinegro carioca, sempre marcando gols, além de ser odiado pela torcida por causa do episódio do “chororô”, quando, atuando no Flamengo, provocou os botafoguenses simulando estar chorando, numa referência às reclamações do Glorioso contra supostos erros de arbitragens. Depois desse episódio, Souza sempre faz o gesto de “chororô” quando faz gols contra o time da estrela solitária.

Ele declarou que tem feito o gesto porque, quando enfrenta o Botafogo, a torcida  fica o tempo inteiro provocando-o, e ele faz isso para dar o troco. Aliás, no último confronto do Bahia contra o Fogão no Engenhão, ano passado, Souza marcou dois gols e fez o tal gesto, irritando os torcedores. Nosso centroavante já declarou que, se fizerem isso e ele marcar gols, volta a fazer o “chororô”, declaração que irritou o goleiro Jéferson, que alegou que isso é um desrespeito. Não vejo isso como desrespeito, muito pelo contrário, pois Souza não afirmou que iria fazer os gols. Ele disse que, se fizesse, retribuiria a “homenagem” à torcida do alvinegro do Rio.

Espero que a torcida do Botafogo provoque Souza para que ele supere o tempo parado, jogue bem e faça os gols que sempre se acostumou a fazer contra o time alvinegro do Rio. Ele está motivadíssimo para estrear no Brasileirão e contra o Botafogo essa motivação aumenta mais ainda. Com isso, o Bahia só tem a ganhar. Pra cima deles, Caveirão!!!!!!

Autor do post:
Kleber Leal

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

Seja o primeiro a comentar este post