A gente não sabemos [Cruzeiro 1×1 Vasco – Brasileirão 2012]

Salve Nação!!

O título do texto é o trecho de uma música da banda Ultraje A Rigor que chama “Inútil”, mas apesar dessa música fazer sentido ao que diz respeito a alguns jogadores do nosso time, no momento a música que eu queria dedicar para alguns deles não pode ser totalmente citada aqui, então deixo vocês com um pequeno trecho dela e no final do post o link:

“Cês me desculpem o palavrão / Eu bem que tentei evitar / Mas não achei outra definição que pudesse explicar / Com tanta clareza / Aquilo tudo que a gente sente / A terra é uma beleza / O que estraga é essa gente… / Filha da…”

E aproveitando meu momento musical, o que eu posso dizer do jogo de hoje é que o Cruzeiro parecia uma banda inexperiente com instrumentos desafinados. Uma verdadeira orquestra de horrores. E pra não dizer que estou generalizando, isento das minhas criticas dois jogadores: Mateus e Éverton – quem diria hein?!

Hoje o Cruzeiro que entrou em campo carregava o potencial de começar uma reação drástica, apagando as três últimas derrotas, e preparando para entrar numa possível briga pelo G4 em confrontos diretos a começar pelo próprio Vasco, e depois enfrentando sequencialmente São Paulo, Inter e Grêmio, três adversários diretos. Entretanto, o time foi capaz de voltar a nos assustar com um futebol sofrível e digno de quem briga pra não estar no Z4.

Há quem acreditasse que a derrota para o Vasco iria fazer com que o técnico Roth caísse. Há quem pensasse que uma vitória daria moral para o técnico e o Cruzeiro poderia retomar o caminho das vitórias. Mas, o time empatou. E o 1 a 1, no final das contas, não serviu pra NADA, a não ser somar mais 1 ponto, que você pode entender como um ponto a mais na conta para chegar aos 45, ou 1 ponto a mais para uma vaga no G4. A verdade é que com o empate, o time continua estagnado na 8ª posição do BR’12 e passa a ser um time mediano, sem pretensões, sem emoção. Um time chato.

Celso Roth tenta manter o equilíbrio. Balança mas não cai. Ainda. (Foto: Alexandre Guzanshe / E.M./ D.A. Press/ Superesportes)

E não bastassem todos nossos problemas dentro das quatro linhas (sempre priorizando o fato do W. Paulista ainda jogar e nos irritar), o clima anda conturbado fora delas também. Após ser criticado pela torcida por falhar no gol do Vasco, Fábio resolveu fazer exatamente o que um capitão de um time não pode fazer: bater de frente e questionar os apaixonados pelo clube.

(Parênteses) Fábio, entenda bem: você é um ídolo pra muitos – não pra mim – e esses muitos te defendem ferrenhamente. Você trabalha em um clube que tem 8 milhões de apaixonados por ele. A maioria desses 8 milhões não ganha nem 1 centavo pra ser apaixonado e torcer, pelo contrário, na maioria das vezes gastam – tempo e dinheiro – para vê-lo jogar. Então, quando você falhar, não queremos escutar coisas como “se estão insatisfeitos, meu contrato está aí pra ser rescindido”, queremos escutar coisas do tipo: “eu falhei, venho falhando, mas quero dar a volta por cima e vou mostrar no campo”, entendeu amigo? Sim, você já fez muito, mas tem que fazer ainda mais (muito mais) pra, pelo menos, me deixar satisfeito. (Fecha parênteses)

Enfim, é hora do otimista ser muito otimista. É hora do pessimista ser calculista – e também otimista. É hora de termos confiança de que dos próximos jogos, ao menos umas 2 vitórias virão para nos tranquilizar e evitar um descenso maior, pois ainda não evitamos o risco de Z4, embora eu ache que o nosso fratello Palestra irá ficar com a vaga de “grande-que-cai-todo-ano-para-a-série-B” de 2012.

Saudações Celestes e segue aí o link com o vídeo e a música do trecho supracitado: Ultraje A Rigor!!

Autor do post:
Stefano "Poke" Marchesini

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

3 Comentários

  • Éden

    O Cruzeiro está uma zona

    Futebol fraquissimo
    Fabio e Celso Roth dando declarações daquelas, tumultuando mais o ambiente. Com isso eu peço mais ainda o Felipão de volta. Tá faltando alguém pra colocar pulso e respeito nesse clube.

    • denis henriquenandrade

      esta na hora de mudar nao é diretoria! o felipão esta na praça e com esse time que estamos com ele conseguiremos pelo menos a vaga a libertadores 2013 porque o maior de minas mercece um lugar mais alto e por isso se chegarmos a conquistar essa vaga para o ano que vem com certeza lutaremos pelo tri campeonato da libertadores. um abraço a todos.

      • stretch kramer

        O Fabio tambem nao e meu idolo deveria nos respeitar e admitir que tem levado gols e que certa vez ouvi um grande goleiro dizer que a maioria dos gols que goleira leva na barreira e considerado duas faltas do goleiro 1 nao soube armar a barreira 2 nao pulou certo na bola portanto meu sangue e azul mas nao admiro ninguem neste time nem no clube a comecar pela diretoria