Desvendando o destino de Alex

Com a rescisão de seu contrato com o Fenerbahçe, Alex está livre para assinar com qualquer clube. Seu destino é, provavelmente, voltar ao Brasil e defender uma das equipes que o tem como ídolo.

Em uma primeira análise, os times que devem concorrer para contar com o jogador, baseado somente em sua história são: Coritiba – clube que revelou Alex para o Brasil; Palmeiras – clube que elevou o patamar de Alex e lhe deu títulos importantes, como a Libertadores de 1999 e a Copa do Brasil de 1998; e o Cruzeiro – clube que lhe deu status de craque, ídolo, lhe rendeu uma tríplice coroa (Brasileiro, Copa do Brasil e Mineiro) além de suas únicas bolas de prata e ouro da Revista Placar.

Nos números de partidas disputadas, o Palmeiras leva a vantagem. Alex jogou 241 partidas com a camisa alviverde, marcando 78 gols, média de 0,32 gols por jogo. No Coritiba, o craque disputou 124 partidas, marcando 32 tentos, média de 0,25 por jogo. No Cruzeiro foram 121 jogos, com 64 gols marcados, média de 0,52 gols por jogo.

Apesar de ter disputado mais partidas pelo Palmeiras, foi no Cruzeiro que Alex teve sua melhor fase, marcando mais gols e sendo mais consistente. Além disso, no Cruzeiro, Alex foi superior no número de assistências. São 61 passes para gol, contra 56 no Palmeiras e zero no Coxa.

Alex já ganhou quase todos os títulos que disputou por clubes brasileiros. Foi bicampeão da Copa do Brasil (em 98 pelo Palmeiras e em 2003 pelo Cruzeiro), campeão do Rio-São Paulo, da Mercosul e da Libertadores pelo Palmeiras, campeão mineiro e Brasileiro pelo Cruzeiro. No Coxa ele não conquistou nenhum título.

Com base nessas informações, chego a algumas conclusões:

– Alex pode querer voltar ao Coxa e vencer algo com eles, lhes dar um título, coisa que não foi capaz quando ainda era um jovem jogador.

– Alex pode voltar ao Cruzeiro e retomar sua história de ídolo.

Não consigo ver Alex voltando ao Palmeiras. Lá ele nunca foi ídolo. Fazia parte de uma grande equipe que conquistou muita coisa na época. Além disso, a torcida alviverde trata muito mal seus jogadores (lembrem-se da passagem de Vagner Love pelo Palmeiras) e a atual fase conturbada da equipe pode não proporcionar a Alex um encerramento satisfatório a sua carreira.

No Coritiba, Alex voltaria com a experiência que lhe faltava quando jovem, o espaço na equipe e a chance de conquistar algo. Mas, além do campeonato paranaense, não vejo o Coxa com chances de disputar mais nada. E o time ainda luta contra o rebaixamento, coisa pouco gloriosa para sua aposentadoria.

No Cruzeiro, Alex seria idolatrado de qualquer maneira, mesmo se não fizesse nenhuma boa partida em seu retorno. Além disso, somos mais estruturados, temos melhores jogadores e condições de trabalho mais tranquilas para Alex. Não vamos cair para a segunda divisão (apesar de que nossa atual fase me assusta) e, ao conquistarmos os 45 pontos, já podemos pensar no ano que vem, da mesma maneira que fizemos em 2002, quando o mesmo Alex veio para o Cruzeiro ganhar tudo em 2003. Com uma equipe base de Fábio, Ceará, Victorino, Leo, Leandro Guerreiro, Tinga, Montillo e Borges, mais alguns reforços pontuais (lateral-esquerda, estou olhando para você), e a volta do Mineirão, dá pra pensar em fazer uma bela campanha no ano de 2013. Precisamos apenas de um técnico novo.

Eu, nessas circunstâncias, escolheria o Cruzeiro. Mas também, eu sou cruzeirense, então não vale.

Além de Cruzeiro, Coritiba e Palmeiras, vejo outras oportunidades para Alex. O Grêmio, que conta com Luxemburgo (treinador que sempre levou Alex para seus clubes), pode ser um forte concorrente para contar com o jogador. Eles, provavelmente, vão à Libertadores do ano que vem, tem um time forte, arrumado, bem treinado, e Alex cairia como uma luva por lá.

O Corinthians é o time mais rico e bem estruturado do Brasil, tem um bom elenco, vai à Libertadores e pode pagar tudo que Alex quiser. Estou torcendo para que a história do jogador com o Palmeiras conte bem para que uma eventual oferta por parte deles seja rejeitada.

Penso que o São Paulo também pode se interessar, mas, mais uma vez, conto com a história de Alex com o Palmeiras para que ele não vá parar na equipe de Juvenal Juvêncio, o jatinho.

Os rumores do mundo do futebol (vi no google ao procurar “alex”) são que o Santos também estaria interessado nele, por ter perdido o Ganso. Mais uma vez jogo a carta da história com o Palmeiras, mas não sei se faz sentido, pois o Santos não é tão “rival rival” dos outros três times de São Paulo. Ou é? Eu não sei dizer realmente, só espero que ele não vá para lá.

O Inter é um time que sempre quer bons jogadores, e quase sempre os consegue, então nunca é bom descarta-los de qualquer disputa. Mas não creio que Alex os escolheria.

E a última opção, para entristecer qualquer cruzeirense, é Alex fazendo parceria com Fred no Fluminense. Se o Gilvan deixar o Fluminense roubar o Alex da gente, eu provavelmente enlouqueceria. Na verdade, o Gilvan não pode deixar ninguém roubar o Alex da gente. Além de mostrar ambição, a contratação do Alex subiria o nível do Cruzeiro e nos daria um gás para disputarmos títulos.

Para o Cruzeiro sair na frente, é pensar desde já numa estratégia para contratar Alex. Seja com o sócio torcedor, com esmolas na rua, qualquer coisa que traga dinheiro. O importante é oferecer o mesmo tanto que as outras equipes em termos de salário. Além disso, precisamos mostrar ao Alex que temos condições de voltar a disputar títulos. Um elenco forte, com um treinador definido, planos para novas contratações, manutenção de nossos melhores jogadores (estou olhando para vocês, Montillo e Éverton {mentira Éverton}) e uma camisa sem a marca guaramix ridiculamente impressa em seu lindo tecido (essa demanda foi só minha, não sei se o Alex se importa com isso, só queria jogar aqui pra ver se eles se tocam).

Enfim, o Cruzeiro precisa voltar a ser Cruzeiro para que o Alex nos escolha.

Volta Alex, venha ser campeão aqui, fazer seus gols de falta e botar o atletiquinho em seu devido lugar.

Autor do post:
Michael Renzetti

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

8 Comentários

  • Igor

    Alex no Fluminense deverá enfurecer esse blogueiro mais que o holandêsquenãodevesernomeado (pelo menos nos seus textos) no Manchester United?

    • Edson Campos

      Só discordo da parte em que fala que a torcida vai idolatrá-lo de qualquer maneira. Exemplo é o Ricardinho,”o mosquitinho azul”, que foi vaiado. E poucos lembram, em 2004, Alex perdeu um dos penaltis que desclassificou o Cruzeiro da Libertadores, foi chamado de “mercenário” por certas pessoas. Acho a Torcida do Cruzeiro muito impaciente. Esse time de hoje é time de meio de tabela, não adianta se iludir com algo mais. Se ele vier, tomara que venha, tem que ter MUITA paciência.

      • JhowTFC

        Concordo com você e lembro muito bem das vaias pro Ricardinho e pro Alex (um dos motivos de eu achar que ele tenha pé atrás com a torcida). Porém, vivemos um outro momento hoje, naquela época havíamos ganhado TUDO que disputamos, com um time sensacional, pra uma queda brusca em 2004. Hoje é o contrário, não ganhamos mais nada, estamos desacreditados e sem esperança. A volta do Alex, a contratação de reforços e a re-abertura do Mineirão serão imprescindíveis pra um Cruzeiro forte e vencedor outra vez.

      • Fernando

        Dinheiro não é problema, uma operação de marketing minimamente bem feita paga os salários do Alex, ainda mais com o novo mineirao. Temos que usar o Alex para elevar socio-torcedor a 50 mil pessoas já em 2013. Diretoria tem que mostrar sangue nos olhos e fechar de qq jeito. Resta saber se o Kleina, como padrinho de casamento do Alex, pesa a balança pro lado do Palmeiras. Em termos de tranquilidade pra trabalhar e qualidade de vida, Cruzeiro e BH são muito superiores a Palmeiras e SP.

        • Alemão

          Alex vai pensar o seguinte:

          Coritiba
          Ponto positivo: Time de coração.
          Ponto negativo: Não joga libertadores do ano que vem, e pode cair para segunda divisão.

          Cruzeiro:
          Ponto positivo: Melhor fase da carreira.
          Ponto negativo: Não joga libertadores do ano que vem.

          Palmeiras:
          Ponto positivo: Maior quantidade de jogos, maior quantidade de títulos, maior quantidade de passagens, o treinador é seu padrinho de casamento, o gerente de futebol foi seu companheiro na libertadores de 99 e joga libertadores do ano que vem.
          Ponto negativo: Pode cair para segunda divisão.

          Acho que dos três, dá Palmeiras. Aliás, sobre ele ser idolo no Palmeiras, sim, ele é e muito. Em recente pesquisa, entre ele e Valdivia(maior idolo em atividade), ele ganhou com 85% da preferencia do palmerense.
          Vejo Grêmio e Santos(realmente não é rival do Palmeiras) na frente do Cruzeiro, nem se fale do Coritiba!

          • Simone

            Argumentos fracos, típicos de paulista! O cara ainda vê Grêmio e Santos à frente do Cruzeiro, kkkkkk. Ou seja, só olha o lado financeiro, se esquecendo que o Santos tá quebrado faz tempo, deve muita grana para o ex-presidente etc…Grêmio? Alex não está visando grana e muito menos é jogador de seguir técnico que é seu amigo…Seria hilário para um jogador de sua categoria.
            Palmeiras é uma bagunça em todos os sentidos, pode cair DE NOVO para a segundona, torcida agressiva, diretoria confusa, cheio de escândalos…
            Alex não quer dinheiro, e sim alegria, ESTRUTURA, amizade, receptividade, tranquilidade. E só aqui no CRUZEIRO ESPORTE CLUBE ele vai achar isso de novo. Só aqui ele foi ídolo de verdade!

            • Alemão

              Só respondendo a caríssima amiga…

              Grêmio tem Luxemburgo(técnico que o próprio Alex diz ser o melhor com quem ele trabalhou), vai disputar a Libertadores, está investindo em estrutura(Ex: Arena esta quase pronta), tem um bom time.

              Santos tem Muricy, tem Neymar e tem a promessa de armar um bom time para o ano que vem.

              Cruzeiro, com todo respeito, é um time que eu gosto, mas não tem time(digo isso porque nem conheço o time, fora Borges, Wellinton Paulista e Montillo), não tem técnico(Celso Roth, para mim, esta entre os tres piores do Brasil) e, comparando com a bagunça do Palmeiras, tem a familia Perrela.

              Realmente não vejo o Alex interessado em dinheiro, mas sim em uma boa estrutura e um bom ambiente para trabalho.

              Sobre o Palmeiras estar na frente, realmente, não sei se vocês ai acompanham a boa imprensa, mas pelo que tenho apurado, Alex tem desejo de morar em São Paulo e jogar no Palmeiras antes de terminar a carreira, além do mesmo não ver problemas em salario. A libertadores ajuda, o Kleina, o Sampaio, a Arena, o centenario também, porem, o que mais vale é a vontade do mesmo, e nesse quesito, ninguém está na frente do Palmeiras.

          • Marcelo Dominato

            Mto bom o texto!
            Fred e Alex, dois idolos e craques, jogando mto e conquistando títulos juntos na Unimed Futebol Clube (aka Fluminense) e não no Cruzeiro e pra matar qlq torcedor de tristeza!
            E provar q o dinheiro compra qlq coisa.