Diego Souza é do Cruzeiro – Enfim um pouco de ambição

"Belo Horizonte? Eu lembro de ter passado por aqui mas não sei fazendo o que". - Foto: Fernanda Diniz

A primeira coisa que passou pela minha cabeça quando anunciaram que o Diego Souza foi contratado pelo Cruzeiro foi:

“YES! AGORA O FÁBIO NÃO LEVARÁ MAIS GOLS DE CHAPÉU DELE!!1”

Fiquei muito feliz.

Mas depois parei para pensar nas vantagens e desvantagens de tê-lo aqui e fiquei muito satisfeito com o acerto.

Diego Souza foi o melhor jogador do Brasil em 2009 atuando pelo Palmeiras, venceu uma copa do Brasil pelo Vasco em 2011, com grandes atuações. Sempre foi muito bom tecnicamente, faz gols, bate falta muito bem, chuta de longe (coisa que falta e muito ao Cruzeiro), enfim, um grande jogador, com características que nos falta. Sua contratação foi um acerto da diretoria (até que enfim né?).

E ainda fez isso contra o Atlético:

Os problemas – sempre tem um problema – são seu comportamento explosivo e sua forma física. Toda vez que ele chega mal fisicamente a uma equipe, afunda. Aconteceu no Flamengo em 2006 e no Atlético em 2010 (risos). No Palmeiras, foi muito bem, mas teve diversos problemas com expulsões, brigas com torcidas e outros jogadores.

Se o Diego Souza que vier ao Cruzeiro estiver em forma, vai arrebentar. Se vier um Diego Souza preguiçoso, gordo, saindo de um campeonato ridículo que não apresenta o mínimo de desafio para nenhum jogador que se considere profissional, teremos um dos “esquenta-banco” mais caros do brasil.

Mesmo com todos esses “se”, dá para perceber que com essa contratação o Cruzeiro volta a pensar como Cruzeiro, como um time forte, grande, que quer brigar por títulos. Diego Souza é um grande jogador, considerado quase sempre, como parte da seleção do campeonato brasileiro. Trazer um jogador desse nível mostra que você tem ambição. E é só isso que a gente pede ao Cruzeiro.

Outra coisa que mostraria ambição, força, é segurar o Montillo. Não adianta nada trazer o Diego Souza e perder o nosso melhor jogador. Os dois se completam e podem levar o Cruzeiro aos títulos na próxima temporada.

Até agora 2013 promete bastante. Continue assim Cruzeiro.

Autor do post:
Michael Renzetti

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

1 Comentário

  • Bernardo Pereira Moreira

    Fala michael!
    também acho que pode dar certo os dois como titulares. Só espero que ele venha pra mostrar serviço e com vontade de aparecer na copa 2014 porque aí ele via comer a bola (nao duvido que isso tenha sido o motivo principal de voltar das esquecidas arábias).
    só precisa de um trabalho psicologico..ele é meio esquentadinho e a torcida é chata. mas depois de 2 anos a ambição está de volta.
    2013 é nosso!