Efeito Martinuccio

Salve Nação!

Hoje vou fugir dos meus padrões e ser mais otimista, vou falar de um jogador que quase passou batido nesse – terrível – ano de 2012, mas que eu vejo como uma das melhores esperanças para o Cruzeiro no planejamento de 2013.

Alejandro Martinuccio chegou de forma quase despercebida no Cruzeiro, enquanto todos celebravam as boas atuações dos recém-contratado Ceará e Borges, o jogador foi apresentado oficialmente com a camisa celeste e sua cara de “galã-de-novela-das-7”, mas sem data prevista para a sua estreia. O meia-atacante argentino, tido como reforço, assim que chegou teve que ir para o DM ficar de molho, por ter sido reprovado no exame médico. E devido a lesão, quase voltou para o Fluminense… E foi esse “quase” que fez a diferença.

Após muita desconfiança sobre a sua condição física, que é duvidosa até hoje, Martinuccio ficou e foi colocado a prova: ou se recuperava, ou não teria chance no time celeste. Hoje, após fazer sua segunda partida pelo Cruzeiro (entrando no segundo tempo nas duas oportunidades), já começa a ser o preferido pela torcida para que jogue ao lado do Montillo. A verdade é que, apesar de precipitado, eu – e boa parte da torcida – tem razão em pedir a titularidade do jogador.

Martinuccio é novo e vive o auge dos seus 24 anos no Cruzeiro. Após ser protagonista no Peñarol campeão uruguaio de 2009/2010 e vice-campeão da Libertadores de 2011, o jogador foi contratado pelo Fluminense e em sequencia emprestado ao Villarreal (Espanha), onde não apresentou seu futebol e passou a contestado. O famoso “jogador de uma temporada”.

Martinuccio: esperança pra 2013 (Foto: Washington Alves / VIPCOMM)

Na minha visão Martinuccio tem MUITO futebol pra apresentar. E o mais importante: é o jogador que o Cruzeiro precisa! Falta alguém no meio-campo para ajudar na criação das jogadas ao lado de Montillo? Martinuccio tem qualidade para trabalhar a bola. Falta velocidade ao time no ataque? Martinuccio é leve, baixinho e rápido. O tal “velocista” que tanto se fala – e nunca chegou. No papel, parece até o “jogador perfeito” para o time. E me arrisco a dizer que é!

Caso Alex resolva voltar, Martinuccio é o reserva imediato de Montillo. Isso se não brigar pela titularidade. Caso não volte, já temos uma excelente opção para compor um elenco forte para o ano que vem.

Geralmente sou pé-no-chão quanto a jogadores e essa é a postura correta. Mas sejamos sinceros, 2012 já acabou pra gente (faltam 6 pontos na verdade, né?!) e se não sonharmos e nos empolgarmos com 2013, que graça terá o futebol?

Então Celso Roth, larga a mão da cautela e deixa o menino jogar! Um pouco de ousadia&alegria vai fazer bem para esse time! O “Efeito Martinuccio” vai começar agora e “El Negro” (seu apelido segundo a Wikipédia, e eu não quero saber o por que…) vai querer calar a boca de muita gente!

Saudações Celestes!!

Autor do post:
Stefano "Poke" Marchesini

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

2 Comentários