Jogadores da Série B não, jogadores da base sim

Na cabeça dos torcedores, esses sábios que sabem a causa e a solução de todos os problemas do futebol, existem duas formas ~mágicas~ de se resolver tudo: 1) Mandar o técnico embora; 2) Subir uma penca de jogadores das categorias de base para o profissional. Quem nunca pediu isso? No Cruzeiro, que está mal há muito tempo, o que mais temos ouvido é isso. Não se engane, quando o Roth for embora ele não levará todos os problemas do Cruzeiro para Caxias do Sul. E também só a base mais bonita da cidade não vai fazer o time profissional se acertar.

Com o futuro do Roth não me preocupo, porque não será na Toca mesmo. Mas com o dos garotos da base sim, mesmo que, se tratando de Cruzeiro, a chance do futuro deles também ser longe daqui é grande. Como disse, sei que só subir os moleques não resolverá as coisas, que a maioria deles não vingará e não será aplaudida pela torcida adversária por fazer três gols e dar uma assistência no mesmo jogo, mas isso também não justifica o mau aproveitamento que o clube faz deles. Vejo a FILOSOFIA DE TRABALHO (Salve, Luxa!) do Cruzeiro semelhante a do Real Madrid. Viajei, mas tento explicar: O Real Madrid não aproveita ninguém da base e gasta mais do que deveria em contratações. A diferença é que enquanto o Real Madrid contrata Cristiano Ronaldo, o Cruzeiro traz FÁBIO LOPES. E é isso que me incomoda.

Essa temporada me deixou ressabiado com jogadores vindos de clubes pequenos ou de Série B. Claro que de vez em quando o Cruzeiro descobre um Ramires da vida, mas isso acontece raramente e se baseado em uma boa avaliação do jogador desconhecido que se pensa em contratar. E não foi o que o Cruzeiro fez em 2012. Se não tinha dinheiro pra contratar jogador caro, não tinha que trazer jogadores baratos ruins. Seria mais inteligente e menos dispendioso subir alguns jogadores do time junior. (Sim, este sou eu, torcedor, sugerindo uma das formas ~mágicas~ de se resolver todos os problemas do meu time.)

A base do Cruzeiro só é aproveitada no profissional em treinos. (Foto: Washington Alves)

Já não ando otimista em relação à(s) próxima(s) temporada(s) do Cruzeiro e fico mais desanimado ainda ao ver notícias recentes como “Cruzeiro busca reforços e mira jogadores que disputam a Série B” e “Empresário revela interesse do Cruzeiro pelo atacante Ananias, da Portuguesa”. Não vejo jogos da Segundona, então não posso julgar a qualidade de Egídio e Ricardo Goulart, os jogadores da Série B em questão, mas eles já tiveram passagens por Flamengo e Internacional, respectivamente, e não deram certo. Será que o Cruzeiro nesse momento de crise pode se dar ao luxo de arriscar dar uma segunda chance em time grande pra eles? Por que buscar Ananias na Portuguesa, se já buscamos Fabinho no Guarani e não deu certo? Aliás, a contratação do Fabinho exemplifica como o Cruzeiro tem observado mal esses jogadores pouco conhecidos. Enquanto buscamos Fabinho, o Botafogo foi no mesmo Guarani e levou o Bruno Mendes, este sim que se mostrou uma boa aposta.

Me empolgaria ver Lucas Silva com a camisa 8, Élber jogando com muito mais frequência, Alisson começando a ter chances em vez do Souza, Mayke e Vinicius Freitas substituindo Ceará e Éverton quando estes não puderem jogar, Pedro Paulo sendo testado como velocista e, principalmente, Borges disputando a 9 com Vinícius Araújo, que é muito mais jogador que Wellington Paulista e Anselmo Ramon. Com o time tendo esses garotos, o Cruzeiro pode até não ser campeão de nada, mas garanto que nos daria muito mais gosto de torcer e ver o time jogar do que tivemos nesse Brasileirão.

Deixo o golaço do Élber contra o Náutico e a comemoração em que ele beijou o manto celeste com respeito e sentimento como amostra dessa satisfação de ver um bom jogador formado na base do clube no time profissional. Deu um orgulho que nenhum desses vários jogadores desconhecidos que o Cruzeiro contratou nesse ano nos deu.

Abs.

Autor do post:
Rafael Igor

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

9 Comentários

  • Vinícius

    Kd o botão curtir Rafinha? rss

    Além dos pontos que vc levantou, considero importante a contratação de um técnico que valorize nossa base, mesclando bons jogadores com aqueles que se destacam nos times de base. Seria a fórmula mágica? talvez. Mas enquanto os empresários escalarem o time do Cruzeiro nunca saberemos.
    Pq se a diretoria não se deu ao trabalho de responder às acusações do Cribari é pq é verdade. Quem cala consente.
    E ele flw o q tdo mundo já sabia mas nunca teve coragem de dizer. Quem manda nos clubes depois da lei pelé são os empresários. Exceto em alguns clubes que têm presidentes que batem o pé.

    • Rafael Igor

      O botão “Curtir” tá lá em cima do título, véi. 🙂

      Apesar de eu ter achado a acusação do Cribari sem fundamento (ele acusou sem falar nada que dê indícios que ele não jogou por isso. Ele não jogou porque é ruim mesmo), todos sabem da influência dos empresários no futebol. Então se o Cruzeiro continuar trazendo jogadores fracos, dá pra desconfiar que os empresários estão mandando mais do que devem.

      Abração.

    • Onofre

      Rafael, o problema não é o jogador ser da Série A, B, ou C, mas ser ruim. Como você mesmo disse que não acompanha a Série B, posso lhe dizer que o Egídio é uma barca furada. Já o Ricardo Goulart vale a aposta. Quanto a não ter dado certo no Inter, precisamos levar em conta que o rapaz só recentemente fez 21 anos – ou seja, é da idade do Élber. Também gostaria de ver os meninos da base mais aproveitados. Por mim, Lucas Silva e Anderson Uchôa seriam titularíssimos – 8 e 5 – do time no ano que vem. Assim como o Rafael. Porque cansei do Fábio Glória-a-Deus.

      • Rafael Igor

        Sim, o problema é trazer jogador desconhecido ruim. E minha desconfiança vem do fato do Cruzeiro não ter trazido jogadores desconhecidos bons.

        O Ricardo Goulart ter só 21 anos dá esperança de que ele possa render mesmo. Vejo muita gente o elogiando, mas não lembro de vê-lo jogar.

        Eu gostava do Uchôa. Mas acho que ele não tem grandes chances de voltar mais. Fica só pulando nos times do interior, coitado, e a carreira dele vai só piorando. É isso que dá o Cruzeiro não aproveitar os bons jogadores que revela.

        Quanto ao Fábio, sou muito fã dele. Pra mim, é um goleiraço, acima da média. Não gostaria de vê-lo sair do Cruzeiro.

      • stretch kramer

        o problema do cruzeiro e q todo mundo tecla mas ninguem faz nada a nao ser aquela estupida manifestacao ‘VOLTA ALEX’ acho ridiculo que o mesmo nao seja feito para exijir respeito com a torcida trazendo atletas…depois que aplaudiram Neymar contra nosso time dando a ele mais valor monetario eu repito o que sempre disse o CRUZEIRO TEM SIMPATIZANTES mas TORCEDOR nao eu jamais faria aplaudiria nem a selecao Brasileira ou a do USA contra meu time.

        • Rafael Igor

          A torcida tem se manifestado ultimamente sobre o nível dos jogadores.

          Não concordo muito com os aplausos ao Neymar, mas foi mais uma manifestação contra a apresentação vergonhosa contra o Santos.

        • Dimitri

          Estou cada vez mais deprimido. Vendo as notícias sobre possíveis contratações para 2013, eu vejo que a Diretoria quer mesmo levar o Cruzeiro para segundona! Diretoria medíocre necessariamente monta um time medíocre!

        • Miller Barbosa

          Chega a doer minha cabeça de ficar lendo notícias de contratações ou sondagens do cruzeiro em época de transferências. Parece que a diretoria e os técnicos que entram não enxergam que a solução ou pelo menos parte dela está na rapaziada da base, a torcida pode bater o pé, espernear, chorar e parece que não vai adiantar. Entra ano e sai ano e somos obrigados a ver um Sandro Silva ou um Amaral jogando, com jogadores ótimos como Lucas Silva ou Élber com pouca ou nenhuma oportunidade. Lucas Silva já um baita jogador e como seria bom ver onde ele poderia chegar se recebesse a devida atenção ou confiança.