Conta outra, essa já esta velha !

Pois é  ” …e da-lhe da-lhe grêmio, e da-lhe da-lhe grêmio…” era isso que se escutava durante a transmissão do Grenal  393 , em meio a escombros, lama, chuva, frio, os 1000 gremistas que estavam no campo padrão FIFA, espraiando seu apoio incondicional ao “time de operários que venceram em um Beira Rio em obras”. O time do aterro escombrado recheado de selecionáveis – uruguaio, argentino e brasileiro -, uma esquadra admirada pela imprensa. Caiu e caiu também a falácia dos 100 mil sócios, caiu a tese do clube do povo, caiu o mitológico “campeão de tudo” diante de um time coeso e, diga-se de passagem muito bem treinado por Vanderlei Luxemburgo, nosso Diretor Técnico, onde no conforto de estar vencendo na casa do tradicional adversário logo no início da partida, soube ir ao “front” quando acionado, e estrategicamente fez de sua maior qualidade no momento – que é saber o que fazer durante os 90 minutos – e trazer os 3 pontos pra casa.Estamos em terceiro lugar, isto por si só já responde a tantas dúvidas da torcida sobre nossa equipe .

Todo o gremista tem o dever de estar apoiando o Grêmio nesta quarta contra o Vasco, e não por se tratar de estarmos na luta pelo título do Campeonato Brasileiro, e sim por ser a despedida do Olímpico Monumental, o velho casarão esta entrando em sua despedida do Brasil, serão dez jogos até o final deste certame, então te liga e  vá ao jogo ( não sabemos até onde iremos na Sulamericana ) portanto todos os caminhos levam ao Monumental, transformando a Azenha no reduto de trago, alento e amizade, com a garra do time e sua qualidade de cascudos, estou gostando do Grêmio, resgatando o que deveria ser institucionalizado, seu estilo, único, porém vitorioso.

                                         MORANGOS, ESTAMOS DE OLHO !morango house

Autor do post:
Paulo Juliano

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

2 Comentários