Figueirense x SANTOS – Retornos!

SAUDAÇÕES ALVINEGRAS, GERALDINOS DA VILA!

Não sei vocês, mas estou com uma grande expectativa para o jogo de logo menos contra o Figueirense, na Santa (e bela) Catarina. Afinal, nosso retorno ao campo é, por si só, um grande conjunto de retornos.

Retorno de André, pra começar. André é um caso interessante: surgiu no Santos desconhecidíssimo, pra cobrir o buraco no ataque, e foi ficando. E foi ficando. E foi marcando gols. Vá lá, vá lá, num time com Neymar, Ganso (jogando o que sabe) e Robinho, não chega a ser um enorme mérito. Mas é fato que André não costumava perder gol. E volta-e-meia achava alguns perdidos. Quer mais o que de um centroavante? Tudo bem que, no fim do seu período no Maior do Mundo, não tava lá na melhor das fases, mas até aí ele já tava negociado, dá até pra entender. Agora, de volta pro Peixe, vamos ver como ele se sai. E, de mais a mais, nosso centroavante titular tem sido o Bill…

Retorno também de Ganso. Improvável, considerado por alguns até impossível, mas, sim, o meia está de volta. Resta saber como será esta volta, em especial após uma participação decepcionante nas Olimpíadas e um inesperado corte no amistoso do time da CBF. Voltou falando que nunca quis sair do Santos, que pretende ficar até o final de seu contrato (2015, aham, sei)… Ou seja, voltou com o rabo entre as pernas. Tomara que a experiência tenha servido para usar um pouco umas sandalias da humildade, porque ele tava precisando!

E, claro, retorno do craque, do gênio, do astro! Sim, retorno de Neymar! A jato, literalmente! Sei que é ruim ter essa vontade toda de vê-lo com a camisa do Glorioso, já que o time deveria saber se sustentar sem ele, mas, pô, é o Neymar! O cara é muito bom!

É ou não é pra ficar empolgado com o jogo de hoje? Ainda mais com a chegada deste hermano tão promissor chamado Patrício Rodriguez, que está mais que animado com a possibilidade de jogar ao lado nosso craque-mor!

De quebra, ainda tem a provável volta de Rafael. Mas, até aí, espero apenas que ele esteja inteiro. Realmente acho o Aranha no mesmo nível (ou até melhor), mas Rafael é, sim, um grande goleiro. Enfim, qualquer um dos dois deve representar bem a nossa fina estirpe de goleiros.

Com tudo isso, só nos resta aguardar algumas horinhas e acompanhar este retorno do Peixe!

VAI PRA CIMA DELES SANTOS!!

Autor do post:
Danilo Hatori

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

Seja o primeiro a comentar este post