Vitória para entrar na história

Todo clássico nordestino tem sempre um gostinho especial, uma adrenalina a mais durante a semana. E dessa vez não foi diferente. O Ceará vinha embalado com três vitórias no campeonato, em ascensão, inspirando confiança a torcida, que menosprezou demais a força do Rubro-Negro Baiano.

Pedro Ken tornou-se o verdadeiro maestro na campanha do Leão, e ontem, marcou o 3º tento. (Imagem: Futura Press)

Nem o pênalti claríssimo cometido por Victor Ramos e a pressão da torcida no PV, intimidaram o time de Paulo César Carpegiani. Mantendo a média, e fazendo o torcedor não sentir saudades de Neto Baiano, Elton e William mais uma vez marcaram. O terceiro gol, foi do mais uma vez decisivo, Pedro Ken! “Trabalhamos pensando sempre no melhor. Sabemos da nossa qualidade e focamos nisso. Terminou a primeira batalha (turno) e agora é aumentar essa pegada. Somos o time a ser batido”, cravou o maestro Rubro-negro. A grande atuação do goleiro Deola deu a segurança que o time precisava lá atrás.

Soberano, o Leão conquistou o simbólico “título” de campeão do primeiro turno com 44 pontos de 57 disputados. Campanha que entra para história, como a melhor da Série B. Pro Ceará, restou permanecer na 10º colocação e a lição de aprender a respeitar o líder!

O Vitória volta a campo contra o Barueri, na 20ª rodada da Série B, no Barradão, às 19h30, na próxima terça-feira.

Autor do post:
Gabriel Guimarães

Deixe seu comentário

(Obrigatório)
(Obrigatório, Não será publicado)
Notificar por e-mail

Seja o primeiro a comentar este post